Regressar às rotinas após semanas de descanso e diversão custa a todos. Mas para as crianças voltar às aulas ou entrar numa escola nova pode ser um desafio adicional.

Não conhecer a escola ou não saber o que se vai encontrar e como vai ser o dia-a -dia, ou não conhecer quem as vai acompanhar pode provocar insegurança, angústia e medo. Se a isso juntarmos o receio de não ser capaz de aprender e de ter sucesso escolar, o regresso às aulas pode ser um enorme tormento.

Mas há alguns truques que os pais podem usar para que o regresso às aulas seja mais tranquilo.

1. Preparação
Antes do início das aulas, leve-os a conhecer ou a visitar a escola, mostrando-lhe os principais espaços onde vai estar. Fale-lhe dos professores, dos funcionários a quem poderá pedir ajuda, de colegas que poderá reencontrar.

2. Empatia
É importante para as crianças saberem que os pais passaram pelas mesmas situações, e conseguiram superar as dificuldades. Fale com os seus filhos sobre a sua escola, os momentos mais divertidos e também aqueles em que teve mais dificuldades. E conte-lhes como os superou, claro!

3. Gestão de expectativas
Procure perceber como é que o seu filho imagina a escola, o que vai encontrar e o que lá vai fazer. Se necessário, ajuste as expectativas que não correspondem à realidade. Vai evitar algumas desilusões.

4. Compreensão
Se os seus filhos verbalizarem que têm medo ou pouca vontade de voltar para a escola, mostre-se compreensivo e não desvalorize. Mesmo que lhe pareça irracional, para a criança o medo é real e assustador. Sentir-se compreendido vai dar uma enorme sensação de segurança.

5. Acompanhamento
Nos primeiros dias, acompanhe as crianças à escola. Vá com tempo para ir ver a sala e outros espaços que lhes interessem, para conversar com a professora, para conhecer colegas.

6. Compromisso
Diga ao seu filho quem o vai buscar e a que horas. Cumpra!
7. Despedidas
Nunca se vá embora sem se despedir, mas faça-o de forma rápida. Prolongar a despedida aumenta a ansiedade da criança (e muitas vezes dos pais).

8. Objeto especial
Encontrem um objeto que a criança possa levar para a escola. Dependendo da idade, pode ser um boneco ou uma concha que encontraram nas férias e que a criança guarda no bolso. Vai ajudá-la a sentir-se próxima da família durante o dia.

9. Final do dia
Conversem sobre o vosso dia. Fale sobre o que fez, com quem almoçou, que coisas engraçadas lhe aconteceram, que problemas teve que resolver. Incentive o seu filho a partilhar o dele também.

10. Sinais de alarme
Choro e recusa em ir à escola que se prologuem por vários meses, perda de apetite, dificuldades no sono, perda do controlo dos esfíncteres, etc. são sinais de alarme que indicam que a adaptação não está a correr bem. Procure ajuda.

Muitos pais sentem-se ansiosos com o regresso às aulas dos seus filhos. Seja pela nostalgia de os sentir a crescer, ou por influência da sua própria experiência (que muitas vezes não foi positiva), é importante refletir e evitar que esta ansiedade seja transposta para os filhos. Mesmo os bebés e crianças pequenas sentem o desconforto dos pais, e poderão sentir-se desconfortáveis
também.

Inês Pessoa e Costa e Rita Vilhena